Município de Esposende entregou 35 Bolsas de Estudo a estudantes do ensino superior

O Presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira, entregou hoje Bolsas de Estudo a 35 alunos do concelho, que frequentam o ensino superior, num investimento de 21 mil euros que tem como objetivo incentivar a continuidade dos estudos a nível superior, aliviando a carga económica das famílias.

Esta medida integra-se na política educativa e social da Câmara Municipal de Esposende, sendo a entrega das bolsas definida após análise técnica das candidaturas admitidas, segundo o regulamento em vigor no Município de Esposende.

“O investimento no capital humano é, indubitavelmente, o pilar para o desenvolvimento sustentável e para a promoção da coesão social, sendo uma das prioridades estratégicas de intervenção ao nível das políticas sociais do Município de Esposende”, sublinhou o presidente da Câmara Municipal de Esposende.

Benjamim Pereira recordou que a atribuição de bolsas de estudo a estudantes do concelho tem o objetivo de “reduzir as dificuldades socioeconómicas e contribuir para o desenvolvimento formativo e educacional, assim como para a elevação social e cultural do concelho”. Esta medida, de natureza social e de investimento no capital humano da população do concelho, “concorre para a materialização da educação, como princípio estruturante do Estado Social decorrente da Constituição da República Portuguesa e da Lei de Bases do Sistema Educativo, contribuindo para a consagração da igualdade de oportunidades no acesso e frequência do ensino superior”.

“Espero que esta experiência tenha sido positiva e que tenha permitido a aquisição de conhecimentos que contribuam para a conclusão da formação de cada um”, sustentou a vereadora com a área funcional da Educação, Angélica Cruz, durante a cerimónia de atribuição das bolsas de estudo.

Lembre-se que o Município de Esposende tem em vigor um Plano Estratégico Educativo Municipal, documento estruturante, concebido com a ampla participação dos diversos agentes educativos e sociais do território. Além dos melhoramentos realizados ou projetados nos estabelecimentos de ensino do concelho, a ação Municipal alarga-se ao apoio concreto dos estudantes.

É nesse âmbito que se enquadra a atribuição de 35 Bolsas de Estudo, a alunos do Ensino Superior que realizam tarefas na Autarquia, nos diversos Serviços da Câmara de índole social, ambiental, administrativa, cultural e/ou desportiva. Ao longo de 22 dias úteis (154 horas), no período de férias letivas, os beneficiários experienciaram o contacto com o mundo laboral, em muitos dos casos, com a sua área de formação.

É o caso de uma finalista de Arquitetura que planificou e organizou as áreas de intervenção do futuro espaço da Loja Social ou de um estudante de Engenharia Informática que desenvolveu a componente prática na Divisão de Sistemas e Infraestruturas de Informação. Muitos dos bolseiros desenvolveram importante atividade na sensibilização da população, sobre as recomendações a adotar nas praias, devido à pandemia COVID-19, procederam ao registo dos pedidos de transporte escolar na plataforma, na digitalização e inventariação de documentos históricos e das obras de arte presentes no Museu Municipal, entre muitas outras atividades.

Além dos apoios às famílias dos alunos do 1.º CEB, com oferta de Fichas de Atividades de Português, Matemática, Estudo do Meio e Inglês curricular aos alunos para o ano letivo 2020-21 e da comparticipação nos passes dos transportes escolares, o Município de Esposende apoia com a oferta de material escolar e o fornecimento de refeições. O esforço municipal para proporcionar as melhores condições dos alunos passou, este ano, pela aquisição de mais de 400 computadores para as escolas do concelho, para garantir o acesso dos alunos carenciados ao Ensino à Distância.

Refira-se que a Câmara Municipal tem em curso obras de requalificação nas Escolas Secundária com 3º CEB Henrique Medina, na EB de Gemeses, na EB de Pinhote e para breve na da EB do Facho, além de estar a proceder à remoção de fibrocimento em coberturas dos edifícios escolares pertencentes ao Estado, depois de ter retirado das escolas que integram a rede municipal.

Esposende é, cada vez mais, um Município Educador.

Print Friendly, PDF & Email
Me gusta
Me gusta Me encanta Me divierte Me asombra Me entristece Me enfada